Valência - Cidade das Artes e das Ciências - Um roteiro arquitectónico!


Foto Panoramica (da esquerda para a direita, Umbracle, Hemisfèric, Palau de les Arts Reina Sofia)

Nesta viagem iremos até Valência, uma cidade cosmopolita, onde se mistura o antigo e o moderno, o tradicional e vanguardista. É nesta cidade que podemos visitar, conhecer a “Cidade das Artes e das Ciências”. Este é maior centro cultural e científico da Comunidade Valenciana e está localizado no antigo leito do Rio Turia.

Esta “cidade” foi criada pelo arquitecto Valenciano Santiago Calatrava, com a colaboração de Félix Candela. As suas instalações comportam o Palau (palácio) de les Arts Reina Sofía, o Hemisfèric, o Museo de las Ciencias Príncipe Felipe, o Umbracle, o parque Oceanografico e o Ágora (em construção); é conjunto de excepcional beleza, é um centro lúdico-cultural que surpreende pela sua fantástica arquitectura e pela sua “capacidade” de ensinar, divertir e emocionar, promovendo assim a participação dos cidadãos.

Palau de les Arts Reina Sofia – É um edifício onde se realiza os mais prestigiosos circuitos de teatro, opera e musicais. É constituído por:
Sala Principal: com capacidade para mais de 1.400 pessoas.
Aula Magistral: com capacidade para 400 pessoas, é especifico para actuações em directo de pequenas formações musicais.
Teatro Martín y Soler: situado no edifício é destinado as Artes Aplicadas, com capacidade para 400 pessoas.

Hemisfèric – representa um olho humano, o olho da sabedoria. Simboliza a observação do mundo, onde os visitantes descobrem através de surpreendentes projecções audiovisuais.
Conta com uma cobertura oval de mais de 100 metros de longitude, dentro da qual se encontra uma grande esfera que acolhe uma sala de projecções, a maior de Espanha; tem uma tela côncava de projecção de 900 metros quadrados.
Cinema em grande formato IMAX Dome (10 vezes maior que um fotograma convencional).
Projecções digitais com representações astronómicas e espectáculos de entretimento.
Um lago de 24.000 metros quadrados rodeia esta estrutura, criando um conjunto de “assombrosa” beleza.

Museo de las Ciencias Príncipe Felipe – é enorme museu do século XXI para dar a conhecer de forma didáctica e interactiva todo relacionado com a evolução da vida, ciência e com a tecnologia. Está rodeado de uma superfície de 13.500 metros quadrados de lâminas de água.
Tem como logótipo: “Proibido não tocar, não sentir, não pensar”, é um museu vivo!

Umbracle – é um miradouro ajardinado com mais de 17.500 metros quadrados, daqui se pode contemplar toda a globalidade dos edifícios, lagos, passeios e zonas ajardinadas do complexo.
Aqui podemos encontrar o “Passeio das Esculturas”, uma galeria de arte ao ar livre, com esculturas de autores contemporâneos; onde a natureza, o céu e a água formam um conjunto harmonioso de delicada beleza.

Oceanográfico – é o maior oceanário da Europa, com capacidade para albergar 45.000 seres vivos de 500 espécies diferentes. Nele estão representados os principais ecossistemas marinhos do planeta, como:
Mediterrâneo, Húmido, Temperado e Tropicais, Oceanos, Árctico, Ilhas e ainda um auditório Mar-Vermelho submarino, um restaurante submarino e um Delfinario, este ultimo é um dos maiores do mundo, com 26 milhoes de metros cúbicos de água e uma profundidade de 10.5 metros. Com um total de 5 piscinas, pode albergar 30 golfinhos, sendo o mais importante da Europa.

Isto e muito mais vos presentearei sobre esta magnífica cidade que é Valência durante as próximas semanas, estejam atentos!

Palau de les Arts Reina Sofia (noite)
-
Palau de les Arts Reina Sofia

Foto: Valência, Cidade das Artes e das Ciências, Espanha

Partilhe este post no: Facebook
Labels: , |


7 Responses
  1. viviana Says:

    E foi naquele lugar
    que tudo aconteceu,
    que enfeitiçou o olhar
    aquele golfinho que apareceu!


  2. Caia Says:

    Que fotos fantásticas!


  3. Tânia Says:

    Depois de ler o teu post, ficou-me uma pergunta da cabeça... o nosso Parque das Nações não podia ser mais assim?! Temos que admitir que até não está totalmente desprezado, nem nada do género... mas não podia-mos aproveitar ainda mais?! por exemplo, o nosso Oceanário, segundo sei está cada vez menos interessante!

    Adorei o Post!!

    Beijos,
    Tânia Barreira


  4. VF Says:

    Olá Tânia!

    Poderia, mas são lugares diferentes, cada um com a sua beleza, um com mais o outro provavelmente com menos. Mas concordo com o que dizes sobre o Parque das Nações, não está assim tão desprezado, tem muita vida! Sobre o nosso Oceanário, não posso dizer muito, já não vou lá desde a altura da Expo.
    Brevemente colocarei algumas fotos do Oceanário de Valência, já agora, vou abrir um pouco o véu,...baluga, morsas, elefante marinhos...
    E fotos sobre a cidade de Valência!!!!
    Muito obrigado pelo teu comentário!
    Volta sempre!


  5. MarisaSLB Says:

    Mais um post excelente sobre uma bonita cidade. Não conheço muito da cidade, e adorei as tuas sugestões. Os monumentos são lindíssimos, e com uma estética excelente mesmo!
    Já estou a viajar, pelo menos em mente =P
    Bju*


  6. VF Says:

    Olá Marisa!
    Obrigado pelo teu comentário...viaja sempre que possas (por aqui)!


  7. Olá, tudo bem?
    Nossa! Fiquei encantada com a arquitetura da cidade! Gostei muito do blog em geral também. Tem bastante conteúdo de diversos destinos.

    Eu também escrevo para um blog relacionado à viagens, o MalaPronta.com: http://blog.malapronta.com.br/ que pertence ao portal de resesvas online: http://www.malapronta.com.br/ Se você ainda não conhece, fique à vontade caso queira conhecer.

    Me tornei seguidora do seu blog e com certeza vou visitar mais vezes! Parabéns pelo trabalho!

    Beijos
    Talita


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...